Os Salmo 23 é o salmo mais famoso da Bíblia. Muitos conhecem este salmo de cor e algumas pessoas deixam a Bíblia aberta em casa exatamente nesta passagem. Este salmo tem vários momentos e certamente o trecho do verso 4 é a parte mais pesada deste salmo, vejamos:

salmo23_4

Este foi um dos salmos mais bonitos escritos por Davi. O rei de Israel - que já fora pastor - se coloca como uma ovelha diante de Deus. Nos versículos anteriores Davi afirmava que o Senhor era o seu pastor e fala do privilégio de ser pastoreado por Ele. 

No versículo 4 há uma ruptura, o ambiente muda, é o primeiro momento do salmo em que a 'ovelha Davi' se coloca em um cenário arriscado.

Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte

O que Davi queria dizer com vale da sombra da morte? Que lugar é este? Na verdade não se trata de um lugar físico. Este 'vale' pode ser uma depressão, um medo, uma situação opressora ou outras adversidades. Ninguém gostaria de andar por esse vale, mas infelizmente há situações que teremos de atravessar.

Na geografia o vale é a área mais baixa de uma região, uma espécie de depressão geográfica. O vale sempre está cercado por montanhas. Poeticamente podemos entender o vale como uma posição abaixo do que poderíamos estar.

Davi queria dizer que mesmo que passasse pela piores das situações - até perigo de morte - sua convicção em Deus o tornava destemido o suficiente para atravessar por tal provação. Nem todos momentos estaremos no alto da montanha, haverão situações difíceis que teremos que atravessar na vida.

Existem duas maneiras de atravessar o vale: sozinho, provavelmente vulnerável às armadilhas que esse vale oferece; ou atravessá-lo colocando a sua fé em Deus e experimentando o extraordinário, mesmo em uma situação adversa. São nestes vales que nossa fé é colocada à prova e Deus se faz presente. Davi sabia disso pois passou por muitas delas e Deus o protegeu em tudo.

A tua vara e o teu cajado me consolam

A vara e o cajado são dois elementos de trabalho de um pastor de ovelhas. Davi foi pastor e sabia muito bem para que esses dois objetos serviam.

A vara servia para proteger as ovelhas de possíveis ataques,contar o rebanho e corrigir as ovelhas. A vara na Bíblia está ligada a disciplina e foi citada muitas das vezes nesse contexto (Provérbios 13:24). O cajado - que é mais longo do que a vara - servia para guiar as ovelhas e tocar o rebanho. Ambas sinalizam neste salmo a proteção, a disciplina e o cuidado de Deus.

Mesmo sendo pastor, Davi se via diante de Deus como uma ovelha que precisava ser cuidada, disciplinada e orientada. Com Deus nos guiando, não há vale suficientemente perigoso que Ele não possa nos guiar. Não há o que temer, Deus está no controle! Em segurança atravessaremos o vale das sombras, rumo à luz!